sábado, 30 de janeiro de 2010

PCdoB: CARTA AO POVO DO MARANHÃO

Que o PC do B faz uma política de apoiar quem está no poder todo mundo sabe, basta olhar a história do partido, agora, usar de dissimulação para posar de alternativa - o pior de esquerda - para o Maranhão está ficando ainda mais notório.

Ao ver em alguns blogs a informação da tal “Carta ao Povo do Maranhão” já sabia que ai vinha caca, dito e feito, tive a oportunidade ler ontem a noite e pasmem, sabe o histórico discurso de posse de Sarney como governador do Maranhão em 1966? Pois é! A dita carta ao povo do Maranhão é uma releitura desse discurso.

Eu mesmo já havia transcrito parte desse discurso aqui, porífero que leiam os dois e vejam por se mesmo o grau de dissimulação quase chegando o plágio.

Clique nos links

O Maranhão dos "Ser Neys"

Carta do PCdoB ao Povo do Maranhão

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

ERRO: EFEITO CASCATA

Por isso não gosto de replicar informações, nos confiamos muito na fonte e dá no que dá, os babõeas caem matando e ai temos que responder à altura. Mas Élson Araújo tem razão.

Todos os meios de comunicação (Imirante, Fm Nativa, CNM, O Progresso e nosso blog) erram ao passar a informção, de que o estado de emergência tinha sido decretado agora, o que aconteceu é que saiu o reconhecimento do estado de emergência solicitado no ano passado e só confirmado no Diário Oficial da União nesta data de 25/01.
Clique na imagem para ampliar:

Só por isso algum anônimos facilmente identificados veem com agressões, acho que não vou nem dormir por ter replicado essa matéria junto com o resto dos veículos de comunicação do Brasil.

Mas reintero a crítica com relação a emergência da gestão Madeira.

SITUAÇÃO DE EMERGENCIA EM IMPERATRIZ?

O município de Imperatriz decretou estado de emergência na cidade, a justificativa seria problemas climáticos provocados pelo acúmulo de águas ou estiagem - a única emergência que sei são nas áreas de saúde, lixo, infraestrutura urbana e nos cargos da gestão madeira -, pelo que estamos vendo as chuvas estão bem esparsas, o rio sobe e desce sem grandes transtornos aos ribeirinhos.

O significado desse decreto é um só: Após a decretação de estado de emergência o executivo passa a fazer gastos sem o devido processo licitatórios e sem o mínimo de cumprimento do orçamento de "faz de contas" que foi aprovado pelos vereadores.

Essa gestão tucana cada dia se mostra uma piada - pior de mau gosto - mesmo tendo nos seus quadros um ex-Conselheiro do Tribunal de Contas do Maranhão o "homem forte" Candido Madeira como controlador que está demonstrando que "beleza não põe mesa".

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

UMA DESCONFERENCIA DAS CIDADES EM IMPERATRIZ

Que o PSDB não tem tradição de debater em instancias que reúnam os movimentos sociais, a sociedade civil, muito menos o interesse de contribuir com as discussões puxadas pelo governo federal de LULA/PT, menos ainda em ano eleitoral, ficou claro!

A conferencia das cidades foi realizada (26 e 27/01) às pressas e sem preparação alguma pelos organizadores. Aonde grande parte dos presentes eram pessoas ligadas ao poder público municipal com menos bagagem ainda de discussão social.

O pouco que se aproveitou nos debates ficou a cargo de Gustavo Marques – que alias está doido pra conseguir prestar assessoria à prefeitura – que fez uma exposição mais de um portifólio de seu trabalho, o mais proveitoso foi a exposição do professor e diretor da UEMA/CESI Expedito Barroso além das contribuições de Conceição Amorim e outros PTistas.

Um dos participantes caracterizou muito bem o evento: “essa foi uma das maiores reuniões do PT de Imperatriz nos últimos dois anos que já vi”, sei que a piada é de mau gosto, mais achei muito interessante a observação feita.

Como os debates estavam mais preocupados em defender a gestão municipal pelo que fez e pelo que não fez até agora, e os assessores/organizadores em fazer piadinhas para a minha pessoa. Finalizando com os organizadores fizeram questão que o próprio prefeito se justificasse e “chorasse” a miséria de falta de recursos e a dificuldade em se administrar a prefeitura – imagino o que passou Jomar nos tempos de JABANES – o engraçado é que ainda não vi falar que atrasasse vencimentos dos secretários.

A apatia das discussões fica reproduzida neste pequeno post. Em fim, delegados eleitos e dever cumprido da coordenação.

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

LIXO HOSPITALAR: A VERDADE!

Chegou até minhas mãos um material em vídeo, de forma "bruta", o mesmo que foi entregue à promotoria que cuida do meio ambiente e às emissoras de comunicação local. O material contém cenas fortes e registra todo o percurso do lixo hospitalar coletado no Hospital Materno Infantil em um caminhão inadequado, sendo prensado e levado ao lixão como se fosse um lixo comum.

Resolvi editá-lo e divulgá-lo em nosso blog que será sempre um veículo aberto para que possamos ajudar a pressionar os governos nas soluções dos problemas imediatos da população até que as soluções dos problemas estruturais sejam encontrados pelos trabalhadores.



TRILHA SONORA: "O PULSO"
LETRA: Arnaldo antunes,
MÚSICA: Titãs

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

ENTREVISTA: PRESIDENTE DA ASSOC. SOL NASCENTE

Acompanhe a entrevista com o lider comunitário do bairro Sol Nascente, Hilário Abreu, sobre as dificuldades em que vivem os moradores do bairro com relação ao acesso e tudo que isso ocausiona de transtornos.

domingo, 24 de janeiro de 2010

ISSO É A POLITICAGEM

Com a decisão da Justiça Eleitoral pelo fim da verticalização - alianças entre partidos tem que seguir o arco feito na esfera nacional - a promiscuidade entre os partidos que não tem um programa, apenas um projeto de estar no poder, e/ou estar do lado de quem esteja, já começam a montagens dos entranhados de acordos que no fim deixam todos ligados ao projeto de poder e defesa do neoliberalismo e à exploração do trabalhadores e do meio ambiente.

Vejamos dois casos, partidos de Imperatriz:

Sebastião Madeira/PSDB tem como vice-prefeito Jean Carlo/PDT. O PSDB ou o PDT terá seu candidato ao governo do Maranhão numa aliança para a chegada ao poder estadual a nível nacional o PSDB que terá candidato próprio e o PDT apoiará a candidata do PT.

O PT de Imperatriz afirma que não seguirá o acordo fechado em Brasília com o PMDB de Roseana que comporá a chapa como vice-governador e com a vice-presidência na chapa do PT. Tendo como indicação de apoiar o candidato do PCdoB que também é da base de apoio ao PT nacional.

Complicado de entender, né?! Nem tanto, esse é o falso discurso de democracia uma verdadeira nojeira política, mas nada que não possa piorar é só esperar pra ver

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

IPTU: COBRANÇA DESIGUAL EM IMPERATRIZ

Que os impostos municipais devam ser recolhidos como o IPTU - Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana ninguém tem dúvidas, pois é com essa arrecadação que a prefeitura retorna aos munícipes em forma de obras e melhorias aos bairros da cidade. Nas cidades provincianas - como a maioria do Maranhão – os gestores públicos se omitem de arrecadar esse tributo para não ganhar a antipatia dos eleitores. Em Imperatriz o pensamento ainda é provinciano também, pois quando arrecadam – à maioria nos bairros periféricos – os recursos nunca são revestidos em melhorias, ou quando são, não há nenhum levantamento para gastar no bairro que mais contribuiu o critério usado para os investimentos são os bairros de autoridades e políticos apoiadores do prefeito.

Nosso código tributário é arcaico, a última lei complementar é de 2003 editada por Jomar/PT e já nasceu desatualizada. O BCI – Boletim de Cadastro Imobiliário, principal documento que determina o valor de um terreno ou imóvel alem de ter um levantamento desatualizado não reflete a realidades das diferentes construções edificadas, isso quer dizer, ao levantar as características do imóvel, por exemplo: que tem um piso de cerâmica onde o valor desse piso pode ser de R$10,00m2 ou R$100,00m2, o peso é o mesmo para ambas as edificações; outro exemplo é o revestimento da parede que pode ser de uma massa corrida simples com pintura à base de tinta acrílica e outra com revestimento com alta qualidade de impermeabilização das paredes, nesse caso ambos são anotados com o mesmo peso para o cálculo do Valor Venal da Edificação; Alem de não existir fatores que reduzam o valor a ser cobrado no fato da construção tenha uma arquitetura que melhor aproveite a iluminação do dia e à ventilação, fazendo com que incentive construções que gaste menos energia etc.

Muitos são os pontos que comprovam que o IPTU de Imperatriz é uma cobrança desigual, para uma comparação mais eficaz dessa distorção basta pegar um carnê de uma residência com os mesmos padrões, uma no bairro periférico (sem sistema de esgoto, sem pavimentação asfáltica e outras melhorias que servem de base para a definição do imposto) e outra num bairro que tenha alguma dessas melhorias, constataremos que a diferença vai estar apenas no valor do metro quadrado de onde se encontra o terreno deixando uma diferença entre o valor de um bairro periférico para um central de cerca de 10% no valor final a ser pago.

Como sempre os trabalhadores dos bairros periféricos são os que pagam as contas para manter a mordomia e as melhorias dos bairros dos patrões. Quem sonha que um gestor posto no poder pelos patrões vá mudar essa lógica acho bom esperarem sentadinhos.

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

UM DIA NA ESTRADA

A vida de trabalhadores que viajam por essas estradas brasileiras pode até ser solitária e desgastante, mas as curiosidades que vemos pela estrada também tem algo que cativa.

Ontem visitei alguns municípios indo até a cidade de Estreito e vi muita coisa na estrada - boas e ruins – ultrapassagens perigosas, um tamanduá, um camaleão, um cavalo ambos mortos à beira da pista. Mais também vi coisas que nós fazem rir por um momento como um tatuzinho tentando atravessar a pista e essas pérolas em caminhões.

Vejam as fotos, clicando nelas pra ampliar:

Imaginem o odor emitido das aves, realmente só sendo da Boticário.

Bom seria se o trânsito de Imperatriz seguesse esse lema.

Flagrante erótico.

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

TERRORISMO TUCANO: A SAGA CONTINUA

O ano mal iniciou e já estou curioso em ver posto em ação a mesma campanha terrorista de cobrança do IPTU 2010, seria uma trilogia: IPTU 2010 a vingança continua. Madeira fez questão em ir pessoalmente aos meios de comunicação para cobrar alegando que precisava trabalhar e quem tinha que bancar as obras prometidas era os contribuintes, o complicado é que 2010 é um ano eleitoral e muitos dos nomes que fizeram ou fazem parte do governo serão candidatos.

Ainda há mais um agravante, com as chuvas dos primeiros 5 meses realizar obras de impacto para tentar arregimentar votos aos seus apadrinhados usando a máquina pública vai ficar ainda mais difícil. E a impaciência dos eleitores que ainda estão esperando as mudanças “mágicas”?
O fato é que, a crise internacional que passou como uma marolinha para LULA parece que vai mostrar seu poder devastador aos municípios principalmente os que têm dependência financeira, que mesmo tendo uma complementação da união só empurra o colapso mais pra frente, mais é isso que ele quer melhor estourar a crise em outro governo do que no dele assim ele dirá que ele não sabia das conseqüências das medidas paliativas e inevitável do modo de produção capitalista e neoliberal que tanto o PT e o PSDB defendem.

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

VEREADOR CONTRIBUI PARA FORMAÇÃO DE LIXÃO IRREGULAR

Um morador do Bairro Sol Nascente, Sr. Madailton, ao se deparar comigo e o líder comunitário do bairro fotografando o lixão que se forma às margens da principal rua do bairro - que liga o IFMA ao Bom Sucesso, não tem coleta de lixo nem iluminação pública - cansados de tanto reclamar para aqueles que usam o espaço como lixão pediu para gravar uma denúncia identificando alguns empresários que tem seu lixo jogado no local.

Para minha surpresa até um vereador do municipio contribui para a formação do lixão irregular no local:
video

domingo, 17 de janeiro de 2010

IMPERATRIZENSES CONTINUAM CONSUMINDO CARNE DE MÁ QUALIDADE

O ano de 2008 iniciou para a gestão tucana cheia de problemas, o caso do matadouro municipal foi um dos que mais repercutiu, vários blogueiros relataram e mostraram a situação do local, vereadores – o esquadrão da moda- visitaram o local e garantiram a solução dos problemas, após muita balburdia foram sanados alguns, outros até hoje continuam, como a ampliação das instalações e o destino dos dejetos dos animais abatidos.

Em uma postagem que fiz comentei sobre os problemas e citei outros que estão alem das instalações do matadouro municipal e, até hoje não se obteve solução por parte do poder público, pior, nem sequer foi elencado durante aquele alvoroço: o caso dos veículos impróprios para o transporte das carnes até os açougues.

Até hoje o transporte do gado abatido é feito em carros baú sem nenhum sistema de refrigeração, alguns desses veículos se encontram em péssimos estado de conservação: com ferrugens em sua lataria, sujeira etc. Quando vemos alguma ação da vigilância sanitária municipal a mesma só age em relação aos açougues – que também precisam ter um sistema de conservação e higiene adequados – mas não acompanham o processo e as instalações do matadouro tão pouco dos veículos que transportam esse material.

Ao passar pelas ruas da Nova Imperatriz me deparei com um desses carros abastecendo um açougue do bairro, aproveitei para fotografar o mesmo, apesar do veiculo em questão ser impróprio para o transporte por não ter sistema de refrigeração até que não era dos piores que já vi. Veja foto abaixo:
Clique na imagem para ampliar

Vamos lá senhores vereadores, precisam cumprir com o prometido, não basta apenas solução de alguns problemas, precisam que exigirem a solução de todos. Essa câmara que teve uma grande renovação parece que continuar da mesma forma dos labigós que habitavam antes. Mudam-se os cachorros ficam as coleiras!

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

PSOL: VITÓRIA DAS BASES

Vários parlamentares e dirigentes nacionais do PSOL começam soltar notas indicando o fim das conversas com Marina e PV. Apesar do desgaste causado com essas negociações até hoje isso se caminha para o sepultamento.

Alguns textos dizem que a causa do rompimento são devido as declarações e a movimentação do PV em aproximação - nos estados – de suas lideranças para alianças com o PSDB e DEM e não a grande pressão que as bases do partido vinham fazendo.

A decisão oficial pode sair na reunião do próximo dia 21/01, antes tarde do que nunca!

Agora bola pra frente, precisamos preparar nossa conferência eleitoral – sem a possibilidade de aliança com o partido burguês PV – e vermos os nomes que melhor podem levar um programa socialista aos trabalhadores do Brasil.

O sentimento de alivio dos militantes de Imperatriz e creio de todo o estado com a possibilidade, agora real, de termos uma chapa classista, com a verdadeira esquerda perfilhada para a luta contra o capitalismo e o reformismo dos partidos ditos de esquerda mais que sempre estão do lado dos burgueses.

Wilson Leite – Presidente do Diretório Municipal de Imperatriz-MA.

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

“LUZ PARA TODOS” OU DINHEIRO PARA A CEMAR?

O sucateamento das empresas públicas para depois privatizá-las é uma medida bem comum nos governos neoliberais. Após serem entregues a preços de bananas – muitos dos compradores estão vinculados a esses governos – as empresas que detém serviços públicos essenciais, como um passe de mágica, amplia seu capital. Pois bem vejamos porque isso acontece:

O caso da CEMAR – Companhia energética do Maranhão foi privatizada no governo Roseana – um dos sócios tem sobrenome Sarney – de lá pra cá essa empresa vem investindo e ampliando sua rede de atendimento no maranhão com uma velocidade excepcional, até ai nenhum problema se não fosse o fato de que dinheiro federal é vem capitalizando a empresa para que essas ampliações aconteçam. Vou explicar melhor!

Um programa federal chamado “Luz para Todos”, que visa levar energia elétrica à zona rural de todo o pais. Todos os recursos para o programa são pra levar energia às comunidades rurais, mas no maranhão serve como capital para que a CEMAR amplie sua rede urbana em praticamente todos os municípios do estado. Encontrando assim outra destinação.

O Ministro das Minas e Energia – apadrinhado do clã Sarney – se vangloria dos investimentos feitos na área e anuncia a ampliação do programa, por que seria? Vinculado à família que “é dona” do maranhão e vem limpando o caminho para se tornar o governador do estado.

Todos os materiais (postes) utilizados no programa têm a inscrição PLPT (Programa Luz para Todos) e podem ser encontrados em vários pontos de Imperatriz – onde foi realizado algum trabalho de melhoria ou ampliação da rede – quanto em qualquer município do Maranhão, abaixo veja a foto de um poste fotografado no bairro central da cidade de Vila Nova dos Martírios, lá a CEMAR não teve o cuidado de passar cimento na inscrição como faz nos colocados em Imperatriz.
Clique na imagem para ampliar

Já estou até ouvindo um assessor vir falando que apesar dos postes usados em áreas urbanas terem a inscrição PLPT, os mesmos não fazem parte do programa, são sobras da empresa que produziu e foram adquiridos pela empresa para realizar a obra. Realmente se esse for o argumento é bom que os assessores si informem de antemão que: isso não pode ocorrer, pois na instrução técnica do programa antes que o poste seja fabricado deve haver um levantamento – PROJETO - contendo local (zona rural), quantos postes serão necessários, quantas famílias serão atendidas pra só então o recurso seja liberado. E duvido que empresas que fabricam postes têm capital de giro suficiente para produzir material em grande quantidade para ficar em estoque, tão pouco que isso ocorra em todos os municípios do Maranhão.

Os órgãos de controle do dinheiro público precisam estar atentos a denuncia, essa mesma fiz há seis meses atrás via internet no site do CGU, mas até hoje não obtive nenhum retornos do órgão acerca do assunto. Que há algo muito estranho isso há, e precisa ser investigado.

CRISE DO CAPITALISMO: TRABALHADORES DO FRIGORIFICO VALE DO TOCANTINS PAGAM O PREÇO.

A situação no frigorífico – hoje Arantes Alimentos LTDA - está se encaminhando para o mesmo desfecho do ano passado. Os trabalhadores estão com o salários atrasados, o abate e as vendas estão paradas há 3 semanas e os empresários não aparecem, todos são investidores de São Paulo e ninguém esclarece nada.

Já houve algumas audiências no Ministério do Trabalho de processos trabalhistas movidos pelos ex-funcionários, sem acordo, na terça (12/01) houve nova audiência e mais uma vez a empresa saiu sem fechar o acordo.

São várias as empresas do grupo Frigorífico Vale do Tocantins que mesmo tendo processos trabalhistas voltaram precariamente ao funcionamento.

O argumento pelo o atraso nos pagamentos de funcionários é que as empresas - devido à diminuição dos negócios do setor, com a crise internacional, o mercado externo deixou de comprar e atingiu a empresa no inicio de 2009 - passam por um momento de recuperação judicial.

Haverá uma última reunião no dia 19 próximo entre os empresários e instituições bancárias credoras para decidir o futuro das empresas: A Arantes Alimentos que opera nas cidades de Imperatriz-MA, Novo Monte Verde e Pontes Lacerda - MT, além de outras empresas do mesmo grupo como a Frango Sertanejo.

Os trabalhadores dessas empresas estão apreensivos. Com o fechamento total delas, haverá o desemprego em massa, além do risco de poderem ficar sem receber seus salários atrasados e os direitos trabalhistas, pois os empresários são todos de São Paulo. O Ministério do Trabalho e o sindicato da classe precisam se movimentar para garantir os direitos daqueles que já se encontram prejudicados sem o recebimento pelo seu trabalho.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

TEMA PARA AS DESCULPAS DA GESTÃO TUCANA

A pedido de um dos assessores do prefeito Madeira serei neste post como o comandante Che Guevara - não posso chegar a tanto -, "duro" mas sem perder a ternura, para isso usarei a músico do grupo Creedence Clearwater Revival para fazer a critica ao discurso que já se ouve em entrevista do gestor e seus secretários justificativas para o não das obras pelo governo prometidas.



Have You Ever Seen The Rain?
Creedence Clearwater Revival

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

OBRA Nº 033: UM EXEMPLO TUCANO DE SUPERFATURAMENTO

Há dias passando pela Rua Paraíba e sempre vendo a placa colocada na esquina com a Av. Bernardo Sayão que informa os gastos da troca de luminárias de toda a rua Paraíba, com um valor de R$102689,09. Pensei logo, legal, a rua ficou bem mais iluminada mas para onde estariam levando as velhas luminárias, será que vão reaproveitar na periferia que não tem iluminação alguma?

De repente me chamou a atenção o valor empregado na melhoria, aí veio uma curiosidade: quanto custou cada luminária dessas já instalada para a prefeitura? Bom, tive que dar uma de Edmilson Sanches, então fui percorrer toda a Rua Paraíba contando os postes que tinham a nova luminária, totalizando 139 - tem mais que 139, mas 4 estão com as luminárias que o prefeito anterior havia colocado - daí fiz a operação valor investido, dividido pelo número de luminárias que deu um valor unitário de R$738,77 - já instalada com mão-de-obra, parafusos, abraçadeiras, braço de sustentação e lâmpada, talvez os 25% pra alguém -, pense numa luminária cara!

Orçamento feito Em uma das empresas especializadas em Imperatriz

LUMINÁRIA: R$ 168,00
LAMPADA:....... R$ 77,00
REATOR:........ R$ 110,00
RELÉ:................ R$ 22,00
TOTAL ........R$ 377,00

Vamos incluir ai mais algumas despesas para tentar chegar ao valor gasto para as luminárias da rua Paraíba:

Abraçadeira:.....R$ 20,00
Parafusos:........ R$ 10,00
Mão-de-olbra:. R$ 50,00
TOTAL ------R$ 80,00

Bom o total de nossa luminária já instalada seria de R$457,00 comprada no comércio local sem a quantidade de 139, que possibilitaria ter um desconto. Quem quiser pode fazer seu orçamento para comprovar.

sábado, 9 de janeiro de 2010

PROPAGANDA: A ALMA DO NEGÓCIO

Não sei quem surgiu primeiro, as promessas dos políticos de mudanças ou a propaganda enganosa do comércio.

Veja o carro “refrigerado” que acondiciona as uvas comercializadas pelas ruas de Imperatriz. Qualquer semelhança com a propaganda de políticos em período eleitoral ou em governos midiáticos seria mera coincidência?

A foto abaixo mostra bem a semelhanças entre ambas – está na cara, mas muitos não vêem.



sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

DINHEIRO DOS TRABALHADORES SEMPRE FINANCIARAM A ELITE

Estão sendo divulgados em vários meios de comunicação os dados sobre o déficit do Fundo de Amparo ao Trabalhador - FAT, dentre os dados o principal em destaque está o aumento das concessões dos benefícios de seguro-desemprego e do abono do Pis/Pasep além do aumento dos salários. Como sempre, todo resultado negativo é imputado aos trabalhadores, a mídia e o governo omitem o fato de que grande parte dos recursos do fundo é investida através do BNDES - Banco de Desenvolvimento, esse banco é o que financia muitos empreendimentos privados - aqui em Imperatriz podemos ver o das novas instalações da TV Mirante e o da Faculdade Atenas Maranhenses, muitos desses empréstimos são arrolados por décadas -, e o fato de que a crise internacional também afeta a economia - principalmente a produtiva - refletindo nos empregos e nos salários.

Esse mesmo governo neoliberal costuma contar vantagens sobre o número de empregos na casa dos 10 milhões, mais esquecem de informar que esse não é o número real de empregos gerados, esse dado se refere às contratações formais realizadas mensais, mas não realizam uma operação simples de subtração (Admissões – Demissões), pois se fizessem o resultado de novas vagas ficariam muita aquém de um “pais que não sofre os efeitos da crise”

Vejam as tabelas extraídas do Ministério do Trabalho e Emprego MTE
Uma pesquisa realizada por um professor da UEMA de Imperatriz também mostra que não há essa geração de emprego como se alardeia, o que há é uma rotatividade dos trabalhadores em empresas, vale à pena conhecer melhor esses dados e uma discussão sobre os dados reais da economia local.

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

SE É PRA SER TRANSPARENTE, VAMOS SER TRANSPARENTE

O PSOL de Imperatriz protocolou hoje direto no gabinete do prefeito Madeira dois ofícios solicitando informações sobre os contratos de aluguel de prédios para a prefeitura e os de locação de veículos, a fim de tornar público, coisa que a prefeitura não faz em seu sitio. Assim que forem respondidos - esperamos com os dados solicitados - serão repassados ao blog Transparência Imperatriz que foi criado para esse fim, já que a prefeitura não cumpre a lei.

Clique nas imagens para ampliar

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

PONTO “G”: FIM DO MITO?

Um recente estudo, publicado no The Journal of Sexual Medicine concluiu que a existência do ponto “G” é mito. Um do mais antigo livro – KAMA SUTRA - que tratava sobre o tema da sexualidade e técnicas que ajudavam a busca pelo prazer entre os parceiros relatava esse ponto erógeno específico. Outros especialistas e médicos em sexualidade têm nesse livro fonte de pesquisa a fim de repassar aos pacientes a complementação mútua do prazer entre os casais.

Sempre gostei de ler sobre o assunto e em todos os textos, inclusive no KAMA SUTRA, o ponto “G” nunca foi colocado como um objetivo inicial na relação sexual. Apesar de que alguns homem só pensarem nos “finalmente”, para as mulheres o mais importante são as preliminares (caricias, afagos etc) e elas levam muitas vantagens anatômicas que podem desenvolver sensações de prazer em diversos pontos erógenos que podem ser exploradas por ambos no ato sexual.

Vale a pena aos homens buscar esse conhecimento para ter e proporcionar uma vida sexual longa e prazerosa ao casal.

terça-feira, 5 de janeiro de 2010

ISTO É UMA VERGONHA! OU SERIA UMA "QUEDA DE MÁSCARA" DE UM BURGUÊS?

Não posso deixar de replicar e comentar esse matéria publicada no site CONEXÃO BRASILIA MARANHÃO acerca do comentário de Boris Casoy, em "OFF", que sem a hipocrísia comum de muitos políticos deixou transparecer seu preconceito de classe.

"Se você treme de indignação perante uma injustiça no mundo, então somos comaradas." (Che Guevara )

Com esse bordão, mais do que suas qualidades técnicas ou mesmo intelectuais*, Boris Casoy tornou-se um rosto conhecido e um profissional respeitado em todo o Brasil.

Para muitos, era a voz da indignação popular. Encarnava muito bem o arquétipo liberal da imprensa como defensora da liberdade de expressão da sociedade.

Jornalista de extensa carreira, na condição de apresentador de telejornais** de várias redes nacionais de TV, seria natural a obtenção dessa visibilidade, mas o apresentador se consagrou mesmo com a frase, mais famosa do que ele próprio.

Na última noite de 2009, Boris Casoy foi pego expressando seu preconceito de classe na abertura do Jornal da Band. Sem saber que o seu microfone estava aberto, deu essa declaração sincera, após dois garis passarem uma mensagem de feliz ano novo aos telespectadores:

“Que merda… dois lixeiros desejando felicidades… do alto de suas vassouras… dois lixeiros… o mais baixo da escala do trabalho…”

O título desse texto é tão somente a decisão esperada pela (imensa) parcela da sociedade brasileira que não aceita manifestações de cunho preconceituoso ou discriminatório.
A demissão voluntária é o mínimo que deve acontecer se Boris for realmente uma pessoa séria. O processo judicial é obrigação dos sindicato dos garis. Espero e torço muito para que este senhor seja obrigado pela Justiça a pagar uma polpuda indenização aos dois garis que apareceram no vídeo e às entidades sindicais da categoria.

No dia seguinte ao que boa parte da imprensa tratou como “gafe”, ele pediu desculpas pelo que chama de “uma frase infeliz”. Eufemismo nos ouvidos dos outros é Mozart.

Tarde demais. A face sincera havia sido exposta na noite anterior.

Assista ao vídeo abaixo, que mostra o jornalista expressar seu preconceito de classe contra quem ele considera “o mais baixo da escala do trabalho”.



E tem gente que acha as letras e músicas do hip hop “pesadas demais” contra a burguesia.

Assim como o próprio Bóris deve achar que cometeu apenas um errinho e que merece ser perdoado. “Afinal, até José Roberto Arruda e Fernando Collor de Mello foram perdoados”… deve pensar…

É capaz até de ele se dizer “cerceado” na sua liberdade de expressão por conta do desejo expressado no título desse texto.

Aliás, do Casoy eu digo o mesmo que costumo falar do Arruda: esse aí nunca me enganou!

*Boris Casoy, durante um programa Canal Livre tendo Ciro Gomes como convidado (o vídeo está disponível no Youtube), revelou não saber a população de Fortaleza(CE), quinta maior cidade do país. Ciro ensinou para ele a lição básica de geografia humana e ainda mostrou para o jornalista que o Brasil não se resume a São Paulo e Rio.

**Vale mencionar que Boris Casoy recebe da emissora da família Saad um gordo salário, mas como pessoa jurídica. Uma manobra cada vez mais comum para aliviar os patrões, que ficam desobrigados de pagar os direitos trabalhistas e tributos previdenciários. É este senhor, que contribui diretamente para erodir os direitos trabalhalistas da sua categoria, que se julga no direito de dar lições de moral à população, com o seu bordão que agora pode ser usado contra o seu criador:

ISTO É UMA VERGONHA!!
PS: Recomendo o excelente texto do Mário Augusto Jakobiskind, incansável combatente por uma imprensa séria:

http://www.viomundo.com.br/voce-escreve/jakobskind-e-o-flagrante

E acrescento o que o leitor Sandro Hestoi lembra nos comentários: Boris Casoy foi sabujo de governos bionônicos e delator de colegas durante a ditadura civil-militar de 1964-1985. Jakobiskind também registra que Casoy foi membro do nefasto CCC (Comando de Caça aos Comunistas), equivalente tupiniquim dos Camisas Negras italianos

"ASSÉDIO PÚBLICO"

Desde o ano passado vem chegando a mim comentários sobre assédio de detentores de mandatos e cargos públicos estão se aproveitando do cargo para cometer crimes sexuais – não é o caso do que ocorreu na dependência pública municipal -, trata-se de assedio a menores de idade.

Não faz muito tempo que uma CPI esteve em Açailândia investigando crimes similares, membros da CPI prometeram vir a Imperatriz também para expandir as cidades abrangidas por acontecimentos dessa natureza.

O fato é que ao serem procurados por jovens (estudantes, membros de igrejas etc) com o objetivo de buscar apoio a eventos, esses jovens tornam-se "prezas” fácil nas mãos dessas pessoas que passaram a ter um status e poder econômico maior sem o mínimo de pudor. Pessoas públicas conhecidas estão sendo flagradas em portas de escolas esperando adolescentes saírem e entrarem em seus carros ou em festinhas patrocinadas.

O Conselho Tutelar de Imperatriz e a Promotoria da Infância e Adolescência precisam com urgência pedir apoio à polícia Federal para ficar de olho e comprovar o ato de pedofilia que possa estar se concretizando em Imperatriz, fato que pode ainda ser mais grave de os promotores desses crimes sejam pessoas públicas.

Tenho aconselhado às pessoas que comentam o que vêem ocorrendo a registrar (foto) e me passar, pois muitas elas têm medo de se envolverem contra os que “tem dinheiro”.

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

NOVO ANO, VELHAS PRÁTICAS TUCANAS

Sabemos o quanto é lucrativo financeiramente e politicamente manter convênios (aluguel) com prédios particulares para funcionamento de escolas municipais em Imperatriz – das 89 escolas na zona urbana, 58 são conveniadas(alugadas) -, assim o prefeito tem como continuar os arranjos que facilitará o apoio desses beneficiários com esses convênios - à sua campanha - já pensando em 2012.

Uma matéria informando a inauguração do novo prédio da Biblioteca Pública Municipal Professor Osvaldo Ferreira de Carvalho, localizado à Rua São Domingos, n° 10, entre as ruas Tereza Cristina e Dom Pedro II publicada no Jornal “Correio de Imperatriz” edição 12 de 25 de dezembro página 05.

Me chamou a atenção o endereço do referido prédio, fui até o local pra ver com os meus próprios olhos e pasmem, lá funcionava uma das mais antigas escolas municipais de Imperatriz, Escola Frei Manoel Procópio, que para dar lugar à instalação do Biblioteca Municipal foi transferida pela gestão tucana - privativista que é - para um prédio particular poucos metros dali que passará a receber a escola que fora retirada do seu prédio original.
Clique na imagem para ampliar


Ficam os questionamentos: o prédio que passará a funcionar a biblioteca municipal – antes uma escola com salas de aulas – tem condições de funcionamento adequado para o fim? O prédio alugado tem condições de funcionamento de uma escola e o custo/beneficio vale à pena?

Pelo visto o prefeito Madeira continua fazendo a mudança em Imperatriz, só que a mudança que seus eleitores esperavam não seria a de endereço, mas sim, de melhorias dos serviços públicos e nas condições de vida.

O gestor da pasta de Educação Zeziel Ribeiro ao dar entrevista em janeiro de 2009 a um canal de televisão se mostrou conhecedor do problema, e reconheceu que grande parte da rede educacional está nas mãos da iniciativa privada, mas parece que já comunga com a idéia e pior dá aval para ações como a ocorrida na Escola Frei Manoel Procópio.

video

VIRADA PARA 2010

Ficamos alguns dias longe de Imperatriz em uma viagem com toda a família para visitar o sogro em Capinzal do Norte-MA, aproveitamos para descansar cinco dias para iniciar 2010 com todo o pique. Entre uma soneca e outra fizemos algumas atividades como uma pescaria, para não dizer que é história de pescador eis ai a foto da primeira tarrafada.





Soubemos de alguns acontecimentos através nesses informados pela nossa rede de blogueiros. Já temos na agulha dois posts preparados que iremos disponibilizar ainda hoje, é só aguardar!